Posts com a Tag ‘interface’

Lorena Melgaço Silva Marques, Museu do Hoje: Fundação para os movimentos artísticos Espontâneos, 2008

quarta-feira, julho 14th, 2010

Lorena Melgaço Silva Marques

UFMG| Arquitetura e Urbanismo

Área de participação: Design

Sinopse do trabalho:
O Museu do Hoje propõe o uso de interfaces físicas e digitais para promover inclusão digital socialmente sustentável. Comunidades em Minas Gerais podem utilizar tais interfaces para engajar moradores a interagir entre si e a explorar suas manifestações culturais. O encontro entre comunidades fisicamente remotas acontece no terceiro espaço criado a partir das sobreposições das interfaces físicas e digitais e é o local onde trocas são feitas. Os eventos são acompanhados e armazenados na Internet.

Para que fim foi realizado?
Este trabalho foi realizado como Projeto final de Graduação sob a Orientação dos Professores José Cabral dos Santos Filho e Ana Paula Baltazar.

Canais pessoais:

http://museudohoje.blogspot.com/

http://www.youtube.com/user/fifu26

Resumo do curriculum:
Arquiteta e Urbanista pela Universidade Federal de Minas Gerais, cursa atualmente mestrado em Teoria Crítica da Arquitetura. Bolsista CNPq pela UFMG (2004-2007), trabalhou com o desenvolvimento de interfaces para inclusão digital e social. Interessada na relação entre TICs e a produção arquitetônica atual. Pesquisa atualmente as relações entre a teoria da Cibernética e sua relevância para a arquitetura.

O futuro das interfaces computacionais

quarta-feira, junho 16th, 2010

Uma das grandes tendências das interfaces computacionais é gerar interação com o mundo real. John Underkoffler, diretor da Oblong Industries, Los Angeles, desenvolve interfaces que vão mudar a forma como nos relacionamos com as máquinas no trabalho e nos momentos de lazer. Estamos falando do g-speak, uma plataforma que reconhece proximidade especial e gera informação sensível à geometria do mundo real. Lembra do filme Minority Report, em que os personagens interagiam com interfaces através de gestos das mãos? O design das cenas foi baseado em um projeto anterior que a empresa Oblong desenvolveu junto ao MIT no início dos anos 90, época em que a pesquisa de interfaces mais humanas não limitadas a um desktop já era realidade.

Para saber mais detalhes, assista ao vídeo do TED em que John Underkoffler fala sobre o futuro das interfaces.

Festival Conexões Tecnológicas 2010 – mais detalhes, aqui.

Já fez a sua inscrição? A data limite é 18/06.

Veja os trabalhos que já estão inscritos nessa edição.

Clique aqui e debata sobre Artes e Design.

Música e Vídeo Interativo em PD

quarta-feira, maio 5th, 2010

Performance EILE, do artísta francês Yroyto

Performance do Duo N-1 (Giuliano Obici e Alexandre Fenerich) no Festival Live Cinema

Para quem já desenvolve ou quer desenvolver projetos de instalações interativas ou performances multimídia, o Curso de Música e Vídeo em PD é uma boa oportunidade. Ministradas pelo artista e professor Giuliano Obici, as aulas terão enfoque na interação entre dispositivos e interfaces através do software livre Pure Data. Para quem não conhece, o PD é um ambiente de programação gráfica para áudio e vídeo fundamentado em C++, que processa dados em tempo real.

Além de todo o conhecimento técnico e teórico necessário para a utilização da ferramenta, o curso também pretende abordar aspectos da arte digital, DJing e VJing. Não perca!

Local: SESC PinheirosGrátisInscrição no balcão da Internet Livre, 2º andar.

Data: 05 a 26 maio, quartas e sextas, das 15 às 18h

Festival Conexões Tecnológicas 2010 – mais detalhes, aqui.

Já fez a sua inscrição? A data limite é 18/06.

Veja os trabalhos que já estão inscritos nessa edição.

Clique aqui e debata sobre Artes e Design.

Leandro Garcia, Spectrum: Experimentações Artísticas com Interfaces Interativas, 2009

terça-feira, maio 4th, 2010

Leandro Garcia

UFRN | Curso de Licenciatura em Artes Visuais

Área de participação: Artes

Sinopse do trabalho:
Instalação de arte digital interativa envolvendo experimentações recursivas com interfaces, utilizando webcam e apropriação de códigos manipuláveis em flash. Surgiu com o intuito de refletir a construção subjetiva de corpos sígnicos em ambientes virtuais, acreditando que este seja um cenário propício ao fenômeno da “celebrização” e super exposição de pessoas comuns.  Nessa obra o interator irá confrontar-se diante de um espelho e simultaneamente será projetada sua imagem em pixels na parede.

Para que fim foi realizado?
Trabalho de Conclusão de Curso

Canais pessoais:

http://www.flickr.com/photos/leandro1006/sets/72157623843252189

http://www.slideshare.net/leandro1006/spectrum-experimentaes-artsticas-com-interfaces-interativas

http://leandro1006.blogspot.com

Resumo do curriculum:
Leandro Garcia é graduado em Artes Visuais pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte e foi bolsista em iniciação científica pelo REUNI, com o tema “CTRL+ART+DEL: Experimentações em Interfaces Artísticas”, orientado pelo Prof. Dr. Fábio Oliveira Nunes. Premiado no III Salão Abraham Palatinik de Arte e Tecnologia e participou da comissão de seleção do XIII Salão da Cidade do Natal, com Márcio Harum e Solon Ribeiro.

Grupo Projeto Turret, Projeto Turret, 2009

segunda-feira, abril 19th, 2010

Grupo Projeto Turret

SENAC | Design: Habilitação em Interfaces Digitais

Área de participação: Design

Sinopse do trabalho:
O Projeto Turret resultou na criação de um pequeno dispositivo robótico capaz de detectar alterações luminosas localizando sua posição na tela, transmitindo o resultado para dois motores, que movem um marcador no eixo X e Y na direção do objeto detectado. Como resultado do processo, conseguimos adquirir valiosos conhecimentos para a criação de interfaces que não se restrinjam unicamente ao universo dos “desktops”, trabalhando com imputs de dados externos.

Para que fim foi realizado?
Este projeto acadêmico foi realizado para a disciplina de Projeto VI, do 6º semestre da turma Design de Interfaces Digitais.

Canais pessoais:

http://www.youtube.com/watch?v=6Cu3e0cBdAE

http://www.flickr.com/photos/leandro_rossi/

Resumo do curriculum:
Leandro Rossi Sampaio – 22 anos, brasileiro, solteiro e sem filhos. Está terminando a sua segunda Iniciação Científica sobre Computação Vestível e Iniciando sua monografia de graduação, cujo tema central é o Design da Informação, com foco na metodologia de Projeto. Atualmente trabalha como designer no CREA-SP, possuindo experiência com o gerenciamento e construção de sites dinâmicos para a Web. Pretende seguir carreira na área de gerência de projetos de design nos próximos anos.