Entrevista – Raquel Kogan

Instalação Reflexão#3, de Raquel Kogan

A entrevistada da semana no nosso blog é  Raquel Kogan que foi convidada a integrar o júri de premiação do Festival Conexões Tecnológicas, ao lado de Jimmy Leroy Faria e Lucas Bambozzi. Raquel é graduada em Arquitetura e dedica-se em suas obras à investigação do espaço nos meios digitais. Seus projetos au.to-re.tra.to, ocupação#1, reflexão#2, reflexão#3 já foram exibidos em diversos locais, entre eles no Palácio das Artes (Belo Horizonte), ZKM (Karlsruhe, Alemanha) e Art@outsiders (Paris, França). No 6º Prêmio Sergio Motta, Kogan recebeu uma menção honrosa pela obra “Reflexão e suas inflexões”.

Em suas instalações, o espaço costuma ser trabalhado de forma a criar reflexões através de vidros, espelhos e água. Os números e a ideia de infinito também são bastante presentes, como em Reflexão (2003) e Projeção (2004). Como essas questões têm aparecido nas suas últimas obras?

A questão, na  verdade é esse momento único e não repetido em que o visitante vê a obra e a obra vê o visitante. Isto continua perpassando todas as minhas obras: esse momento em que tudo é igual e ao mesmo tempo completamente diferente.

Na instalação interativa “reler”, exibida no FILE 2010, cada um dos seus 50 livros de uma biblioteca sonora traz a gravação da voz de uma pessoa que lê um trecho de um escritor como Fernando Pessoa, Kafka, etc. Uma multiplicidade de vozes surge quando o público abre os livros ao mesmo tempo. Fale um pouco sobre este projeto:

A instalação sonora interativa “reler” consiste em uma prateleira com 50 livros. Mas, não são livros comuns, são livros para serem ouvidos e não lidos. Pequenos trechos prediletos, escolha pessoal de 50 pessoas convidadas a participar da execução da instalação, cada livro tem seu dono e sua voz. Ao abrir um livro, o interator tem seu rosto iluminado por um led, ao mesmo tempo em que dispara o som pré-gravado da voz daquele que selecionou esse trecho do seu livro predileto. Simultaneamente, no espaço expositivo, todos os textos sendo “lidos”, isto é, tirados da prateleira e abertos, vão somando uns ao outros em um palimpsesto de vozes.

Os finalistas do Conexões Tecnológicas 2010 serão divulgados até o dia 30 de setembro. Conheça os trabalhos inscritos e debata sobre a produção universitária em nosso ning. Siga o Festival também no facebook e no twitter.

Tags: , , ,

7 Responses to “Entrevista – Raquel Kogan”

  1. Anthony disse:

    warsaw@frontal.accacia” rel=”nofollow”>.…

    tnx for info!!…

  2. Harvey disse:

    irrigating@trimble.panes” rel=”nofollow”>.…

    благодарствую!…

  3. jessie disse:

    itches@bonfire.grew” rel=”nofollow”>.…

    ñïñ….

  4. Chris disse:

    lapping@stitched.tarkington” rel=”nofollow”>.…

    ñïñ çà èíôó!!…

  5. jeff disse:

    simplex@deller.loudons” rel=”nofollow”>.…

    tnx for info!!…

  6. Edwin disse:

    chatting@balloons.accessibility” rel=”nofollow”>.…

    good!…

  7. Evan disse:

    nucleotide@sniper.streets” rel=”nofollow”>.…

    ñïñ çà èíôó!!…